O medo de perder para os subordinados.

PROCUSTO, de acordo com a mitologia Grega era um bandido que vivia no Monte Eleusis. Julga-se que seu pai era Poseidon. Reza a lenda que Procusto tinha uma cama de ferro do seu tamanho exato. Todos aqueles que albergavam em sua casa, eram obrigados a deitar-se na sua cama.

Se os viajantes não coubessem na cama, eram cortados ou esticados, consoante fossem altos ou baixos.Nunca nenhum viajante se adaptava a cama, porque secretamente, Procusto possuía duas camas de tamanho diferente. Procusto manteve este terror por muito tempo até ser capturado por Teseu que o condenou ao mesmo terror que ele aplicava aos seus hóspedes - prendeu-o à sua própria cama e cortou-lhe a cabeça e os pés.Atualmente, acredito que não tenha ninguém com uma cama igual a esta, mesmo assim, percebemos que há muitas pessoas ao nosso redor que agem da mesma maneira. Se isso ainda não começou a fazer sentido para você, serei mais claro sobre o que este conto mitológico quer dizer:“Se você é muito alto, vou cortar seus pés. Se você se provar melhor do que eu, então vou cortar sua cabeça”. - Mito Grego -. Acredito que agora já tenham surgido alguns nomes de pessoas bem próximas a você.

É isso mesmo, “Procustos” estão por todo lado, no trabalho, casa, igreja, esportes. E de que maneira eles agem hoje em dia? Ora, se você está correndo mais que eles, então tentam cortar os seus pés, te desmotivam, apagando o seu brilho e fazendo de tudo para que você pare de produzir. Desta maneira eles te impedem de realizar aquilo que você tanto sonha. Mas de que maneira eles cortarão sua cabeça? Com abusos de poder, te impedindo de pensar, criar, progredir. Você até que é inteligente, mas nunca mais do que eles.

É uma grande tristeza perceber que tantas pessoas à sua volta tem esta síndrome. A verdade é que em nossas vidas, nos deparamos com líderes fracos que quando percebem alguém mais brilhante, criativo, inovador, capaz de superá-lo, fazem de tudo para humilhar e desprezar a pessoa sedenta de crescimento.Lembro-me de quando era criança e assistia o desenho do Karate Kid, havia um dialogo entre o Mestre Miyagi e um menino mau, que conforme a minha memoria, nos passava o seguinte ensinamento:Mestre Miyagi: “- Você tenta ser superior, mas faz isso fazendo com que os outros se sintam inferiores, isso está errado.” Ou seja, existem várias pessoas com este tipo de pensamento: querem superioridade, ao passo que diminuem as pessoas a sua volta. Entretanto, isso nunca acontecerá, pois diminuir alguém não é sinônimo de superioridade e sim de fraqueza.

Em uma turma do treinamento LORDE, um aluno compartilhou ter um líder que tentava o tempo todo diminuí-lo.

Na sessão 5, onde compartilhamos as técnicas de obter a cooperação de pessoas dentro do trabalho, todos os participantes desenvolvem um cronograma para alcançar tal resultado de forma positiva. Este participante escolheu então o seu líder para conseguir melhorar o relacionamento entre eles.
Após duas sessões (na sessão 7) o seu resultado foi efetivo, conseguindo lidar de maneira mais harmônica com este líder e ainda construindo grandes relacionamentos com outros colegas.

O mais interessante é que após o término do treinamento, ele percebeu seu grande potencial, controlou seu medo, conseguiu abrir seu próprio negócio; contratou colaboradores com talentos superiores ao dele e hoje é grato por ter aceito a oportunidade de criar resultados surpreendentes em sua vida e transformar relações difíceis em relacionamentos “acima da média”.

O resumo é que cada pessoa e situação tem o jeito mais eficaz de lidar. Se você aprender a forma correta de lidar com estas e outras situações, terá maior chance de se destacar e atingir resultados maiores e melhores! Está tudo em suas mãos. O poder é seu, quer ter resultado maior, seja maior. Para isso existem muitas maneiras e formas, e a nossa é o TREINAMENTO LORDE.

Jonatas Duarte - Nobre intrutor